Promessa de “semana quente” no Sport

Arnaldo Barros, presidente do Sport

                                   Arnaldo Barros, presidente do SportFoto: Flávio Japa/arquivo folha

Uma semana completada após conseguir o feito de escapar do rebaixamento, o Sport parece ainda se recuperar da tensão vivida. Nesses sete dias desde o último jogo, na vitória contra o Corinthians, dia 3 deste mês, a diretoria da Praça da Bandeira não conseguiu ainda fazer nenhum anúncio oficial de contratação, nem sobre o técnico e vice-presidente de futebol tampouco sobre jogadores contratados ou dispensados. Mas, essa semana as coisas tendem a ferver na Ilha do Retiro. Pressionado pelos torcedores pela aparente letargia nas negociações, o presidente Arnaldo Barros disse através da assessoria de imprensa que vai conceder entrevista coletiva nesta semana. A expectativa é que ele faça alguns anúncios.

Com a saída de Gustavo Dubeux do cargo de vice-presidente de futebol, Arnaldo deve anunciar quem será o novo homem-forte do departamento para 2018. Nos bastidores se falou até em o próprio Arnaldo Barros assumir o futebol, mas de acordo com as informações ele não fará isso. Com alguns jogadores terminando o contrato, a preocupação é definir quem fica ou sai. Além disso, o “abacaxi” Diego Souza precisa ser descascado. Jogador e empresário pretendem que o meia deixe a Ilha do Retiro para alcançar um mercado de mais visibilidade, já que basicamente o Sport vai jogar apenas o Campeonato Pernambuco no primeiro semestre. O jogador tem contrato com o Leão até o final de 2018.

Com a provável saída de Diego Souza, o Rubro-negro terá que ir ao mercado numa das posições mais caras nas “prateleiras” do futebol: o meia. Nos últimos anos, o clube teve apenas Diego Souza nessa função principal. Um dos candidatos mal sucedidos foi o Régis, que estava de empréstimo no Bahia e pode retornar o Sport, já que o empréstimo acabou e ele ainda tem vínculo com os pernambucanos até o meio do ano que vem. Com a carência na função, Everton Felipe e Thomás foram testados na função de armador central, mas nenhum se firmou.

Folha PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>